HOMENAGEMDia Internacional da Mulher é celebrado com atividades físicas

12 / Mar / 2018 - 07:46
Ver foto de capa

Projeto leva aulas de ginástica para o Parque da Cidade e motiva público feminino a ter mais qualidade de vida

O Dia Internacional da Mulher encerrou com muita atividade física no Parque da Cidade em Porto Velho. Um aulão especial de ginástica foi realizado através do projeto "Viva Bem", desenvolvido pela Secretaria Municipal de Esportes e Lazer (Semes). Vestidas de rosa, elas celebraram e ainda queimaram calorias de forma divertida.

As aulas no parque acontecem de segunda a sexta em dois períodos, de 07h às 08h e de 17h às 18h. Participam diariamente cerca de 30 pessoas, na maioria mulheres, mas a atividade é aberta também para os homens, como o Umarlei Matins. Ele garante que sempre que pode, está presente e não se incomoda com a ausência dos colegas do mesmo sexo. "Eu me divirto com elas, me sinto mais disposto e com mais saúde", disse o fazendeiro.

Como a quinta-feira foi um dia especial, elas providenciaram lanches e trocaram informações sobe o universo feminino com a demonstração de produtos de maquiagem, tudo sem perder o foco na aula que envolveu desde alongamento treino funcional, fortalecimento muscular, ritmos e abdome. "Esse projeto é muito importante, pois tem muitas pessoas com auto estima baixa, que não sabem por onde começar. E assim elas melhoram o seu comportamento em casa, se sentem mais dispostas e mais felizes", comemorou a professora que coordena as aulas, Isa Dias.

Samia Bezerra e Maria José são algumas das alunas assíduas. As duas frequentam o espaço três vezes por semana e garantem que os benefícios são inúmeros. "Eu adoro, amo muito. Faz diferença na nossa vida e na nossa saúde. Eu me sinto bem, menos cansada. Se puder escolher onde fazer atividade, escolho aqui, ao ar livre", disse Sâmia. "Mudou o peso e até a quantidade de remédios", brincou Maria.

As aulas têm ainda o acompanhamento de uma fisioterapeuta, que trabalha a prevenção de lesões. "Aqui o que eu faço é atividade funcional, trabalhando vários grupos musculares, utilizando a força da gravidade e do corpo. Não é só a questão do emagrecimento, mas também o fortalecimento muscular, na prevenção de lesões. Temos casos de pessoas, principalmente as de mais idade, que relatam a mudança", concluiu Denise da Silva.

Fonte: Semes

Aulão Mulheres

09 / Mar / 2018 - 16:22

FOTOS: Jonatas Oliveira